» » » Soledade - Ex-prefeito classificou como anômalo decreto do atual prefeito

SOLEDADE (PB) - O advogado e ex-prefeito, Ivanildo Gouveia (2005 - 2011), classificou como anômalo o decreto de número 12, baixado pelo prefeito atual, Zé Bento (PT) e que retira direitos adquiridos de servidores do município.

"Esse decreto tem algumas anomalias do ponto de vista jurídico, senão vejamos: insalubridade é um direito adquirido porque aquelas funções que são insalubres é uma previsão legal e, portanto, um prefeito não, por decreto, suspender esse direito", pontua Ivanildo.


Com relação ao adicional noturno, o ex-prefeito disse que este direito também não pode ser suprimido por se tratar de matéria constitucional, prevista no estatuto do servidor e com previsão legal.

Da mesma sorte, o adicional por periculosidade não pode deixar de ser pago por ser funções perigosas a exemplo dos guardas municipais.

Sobre o item que trata da pretensão em reduzir 70% do consumo de energia nos prédios públicos, Ivanildo disse que é praticamente impossível tal economia.

"É quase impossível essa economia de até 70% porque os órgãos vão continuar funcionando, a exemplo da sede da Prefeitura, o hospital, as UBSF's. Ou seja, acho que é uma decisão que não poderá ser alcançada", pondera.

O decreto também alude a necessidade de economizar 70% na aquisição de combustíveis e o advogado também se mostra descrente nesta medida.

"Bom, se você reduzir em 70% a aquisição de combustíveis, implica dizer que vai parar quase todos os serviços, inclusive, de saúde porque, sem combustível, não é possível transportar pacientes. É uma medida tanto quanto audaciosa do ponto de vista de redução".

Por fim, Ivanildo opina que o decreto precisa ser refeito e sugere que o prefeito corte gordura na folha de pagamento porque, segundo ele, subiu muito nos últimos anos.

"A folha de pessoal está em um patamar muito alto, que não suporta à Prefeitura esse pagamento. Eu digo isso com experiência que tive como prefeito. Então, aí vem, vantagens, dobras, gratificações, contratos excepcionais, CIEE... bom, se você tirar todas as gorduras que possam ter na folha de pessoal, inclusive, redução de gastos exorbitantes, superaria qualquer redução de um decreto desse. Não é justo, ainda que fosse possível, tirar do servidor o quinquênio, quando se mantém alguns privilégios. É preciso rever esse decreto", conclui.




HELENO LIMA  

Postador Sebastião Barbosa

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :

receba nossas atualizações no seu Email

PESQUISE AQUI

TÓPICOS

15º ANIVERSÁRIO 30 DE NOVEMBRO A Igreja Genuína ACIDENTE AGRICULTURA AGUA ALAN ROBERTO ALERTA ALIMENTO AO VIVO BARAUNAS BARRIO BEER BATE PAPO COM O BLOGUEIRO BATISMO BOA NOTICIA BORBOREMA/AGRESTE BRASIL brechó solidário BREJO CARIRI CELEBRIDADES CHUVA COLUNA COLUNISTA ROGÉRIO SANTOS COM AGUA COMEMORAÇÃO CONGREGACIONAL COPA DO MUNDO 2018 CUBATI CUITE CULTURA CURIM CURIMATAU Curimataú CURIOSIDADE CURIOSO DA NET DEBATENDO A FÉ DENUNCIA DEPARTAMENTO DE HOMENS DESAQUE DESTAQUE DESTAQUE;CIÊNCIAS DESTAQUE;SÃO VICENTE DESTAUE dia do evangélico ECONOMIA EDUCAÇÃO ELEIÇÃO ELEIÇÕES 2012 ELEIÇÕES 2014 ELEIÇÕES 2016 EMPREGOS E OPORTUNIDADES ENEM ENQUETE ENTRETENIMENTO ESCOLA BÍBLICA ESPECIAL ESPORTE EVENTOS FESTIVIDADE LEVITAS. FOTOS Francisco José Radialista. FUTEBOL GERAL GREVE HISTÓRIA HUMOR IGREJA IGREJA SANTA IMPEACHMENT INFOMAÇÃO INFORMAÇÃO INTERNACIONAL INVESTIGAÇÕES IPTV JESUS LIBERTA JOÃO PESSOA JUAZEIRINHO JUNIOR JUSTIÇA LEI LITORAL LOTERIA MMN MORTE MUITO MAIS TRABALHO MUNDO MUSICA NATAL MAIS FELIZ NORDESTE NOSSO BLOG NOTICIA INTERNACIONAL NOVELAS NOVIDADE O NOSSO VERDADEIRO INIMIGO OLIMPÍADAS OLIVEDOS ONDANET OPINIÃO Oportunidades EMPREGOS E OTICA CENTRAL PARAÍBA POLEMICA POLICIA POLICIAL POLITICA POLÍTICA PREVIDENCIA PROTESTOS RECORDANDO REFLEXÃO POLÍTICA REGIÃO RELIGIÃO RETIRANDO RIO DE JANEIRO são joão SÃO VICENTE SAUDE SAÚDE SECA SEGURANÇA SERTÃO SOLEDADE TECNOLOGIA TRAGÉDIA TV AO VIVO TV E FAMA URGENTE UTILIDADE PUBLICA VIDEO