» » » SINDICATO EMITI NOTA DE ESCLARECIMENTO, SOBRE REPORTAGEM DO JORNAL DA PARAÍBA, VEJA.



A diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Curimataú e Seridó (SINPUC) esclarece que, as informações relacionadas às prefeituras de Nova Palmeira, São Vicente do Seridó, Pedra Lavrada e Damião, contidas na reportagem “Prefeituras da Paraíba deixam de pagar salários de 30 mil servidores”, publicada ontem pelo Jornal da Paraíba, contém alguns equívocos.


Por esta razão, é preciso fazer as seguintes correções:

1. Atualmente o sindicato ainda não tem nenhuma ação no Ministério Público contra quaisquer das prefeituras citadas na reportagem;

2. Embora reconheça que a administração de Pedra Lavrada atrasou pontualmente os salários de algumas categorias funcionais, o problema não afeta todos os servidores de forma generalizada;

3. O caso de São Vicente do Seridó e Nova Palmeira, de fato, é preocupante porque a inadimplência além de ser generalizada ainda é recorrente na gestão da prefeita Graciete Dantas e do prefeito José Félix de Lima Filho. O SINPUC orienta os servidores destes municípios para procurarem o sindicato e impetrarem um mandato de segurança para resolver o problema do atraso de pagamento;

4. Quanto ao município de Damião, não há registros de atraso salarial e nem de violação dos direitos dos servidores;

5. A assessoria de comunicação do sindicato enviou e-mail para o Jornal da Paraíba e solicitou a correção do texto. Contudo, embora o jornal tenha confirmado o recebimento do e-mail, até agora, não efetuou a correção solicitada.

Nova Palmeira-PB, 22 de outubro de 2015.

Edilândia Ferreira de Lima
Presidente

Postador Sebastião Barbosa

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :

receba nossas atualizações no seu Email

PESQUISE AQUI