» » » CRISE : Emprego segue em queda na PB; construção, comércio e serviços demitem mais


A Paraíba perdeu 2,6 mil postos de trabalho em julho deste ano, o pior resultado para o mês desde 2003. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (21) pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho.


O Caged diz que os dados ruins vêm da Construção Civil (-1.155 postos), do Comércio (-725), dos Serviços (-699) e da Indústria de Transformação (-447 postos).

Os números ruins ocorrem desde o início do ano, quando já foram demitidos 16,2 mil trabalhadores, conforme o Caged. O resultado corresponde a uma queda de 3,82% na geração de empregos, quando se compara com os sete primeiros meses de 2014.






PORTAL CORREIO

Postador Sebastião Barbosa

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :

receba nossas atualizações no seu Email

PESQUISE AQUI