» » Hospital de PE não vai divulgar estado de saúde de vítima de sequestro em JP

Em contato com o Portal MaisPB, no final da tarde desta segunda-feira (22), a assessoria de imprensa do Hospital Memorial São José de Recife-PE, para onde foi transferida a enfermeira sequestrada em João Pessoa, estuprada e abandonada em Goiana-PE, informou que não serão divulgados boletins médicos informando o estado de saúde da vítima. A criança de nove meses segue internada no Hospital Amip,em João Pessoa.

A enfermeira, foi transferida às 14h30 desta segunda para o Hospital Memorial São José, no Recife. Ela havia sido socorrida para o Hospital Miguel Arraes (HMA), em Paulista-PE.
No último em boletim médico, o HMA confirmou que a paciente apresentou múltiplas fraturas e lesão no baço em consequência do atropelamento.
A enfermeira foi abordada por criminosos quando saia de uma festa de São João de um berçário, no bairro dos Bancários, em João Pessoa. Ela estava com o filho, um bebê de nove meses e a amiga, Glória da Silva.
As vítimas foram levadas para um canavial próximo a Fábrica da Fiat, em Goiania. As mulheres foram amarradas e violentadas sexualmente. Depois os marginais passaram com o carro por cima delas. Glória não resistiu aos ferimentos e morreu no local.
O bebê também foi amarrado e deixado no canavial. Ele foi encontrado com ferimentos provocados por insetos, levados para o Hospital Belarmino Correia, em Goiana e transferido para João Pessoa.
Glória será sepultada em Campo Formoso, Estado da Bahia.
MaisPB

Postador Sebastião Barbosa

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :

receba nossas atualizações no seu Email

PESQUISE AQUI