» » » » » SOLEDADE - Assentados da Reforma Agrária participam de intercâmbio para fortalecimento da agricultura familiar

A Cooperativa de Trabalho Múltiplo de Apoio às Organizações de Autopromoção (COONAP) e o INCRA/PB, promoveram no último dia 29 de outubro, um intercâmbio para troca de saberes, no Sítio Lajedo de Timbaúba em Soledade. A atividade contou com a participação de 30 agricultores/as dos assentamentos Belo Monte no Seridó, São Domingos e Dorcelina Folador em Cubatí, Antônio Paulo e José Jovem em Boa Vista, Gravatá em Pocinhos, Além dos assentamentos Vitória, Pequeno Richard e José Antônio Eufrouzino, localizados em Campina Grande.

O intercâmbio teve como objetivo promover a troca de experiências entre agricultores e agricultoras. Durante a visita o grupo de assentados conheceu as experiências da agricultura familiar na propriedade de dona Maria do Socorro Barbosa e seu Antônio Bento e também na propriedade de seu Inácio Tota Marinho.
A primeira visita aconteceu na propriedade do casal dona Socorro e seu Antônio, onde foi possível visitar o quintal produtivo da família e conhecer as experiências do bioágua, tecnologia que faz o reuso das águas cinza. O casal explicou que faz o reuso da água da pia de lavar louça e da lavanderia e utiliza no plantio deito ao redor de casa. Na ocasião os assentados também conheceram o biodigestor que produz gás a partir do processamento de matéria orgânica e a criação de galinhas caipira.
Já na segunda visita, os assentados conheceram a propriedade de seu Inácio Tota, foi realizado um percurso dentro do sitio onde os assentados visitaram a barragem subterrânea, a cisterna calçadão, a produção de mudas de umbuzeiro, o galpão para criação de galinhas caipira, além de uma unidade de beneficiamento de frutas. Durante a visita a unidade que é formada pelo grupo de seis mulheres, os assentados conheceram como funciona a gestão do grupo e produção de polpas. Após o percurso, foi montada uma roda de diálogo onde os assentados conheceram a história de vida e superação de seu Inácio.
Durante o intercâmbio, os agricultores e assentados trocaram diversas experiências a respeito das técnicas empregadas na produção e foi verificado que ambos se impressionaram com os conhecimentos existentes naquele sítio. Foi ressaltado que mesmo após quatro difíceis anos de seca, é possível sobreviver no semiárido e produzir para a subsistência da família.
No final do intercâmbio aconteceu uma breve avaliação entre os participantes, o diretor técnico da COONAP, José Diniz das Neves agradeceu a participação de todos e o acolhimento de seu Inácio e sua família a todos que ali estavam, “em nome da COONAP nós agradecemos aos que se disponibilizaram para conhecer esta bela experiência, isso é uma lição de vida para todos nós”, ressaltou. Para o assentado Marcos Elói do Assentamento José Antônio Eufrouzino, o intercâmbio foi mais um aprendizado “se 10% dos agricultores se conscientizasse e fosse como seu Inácio Tota o mundo seria diferente. Foi muito boa esta visita!”, concluiu.

Postador Sebastião Barbosa

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :

receba nossas atualizações no seu Email

PESQUISE AQUI