» » » Deputado aliado de RC reforça nome de João Azevêdo para 2018

Com a tese de continuidade, mas não de continuísmo, o deputado estadual Ricardo Barbosa (PSB), comparou a um “ato criminoso” a possibilidade de a Paraíba voltar a retroceder nas mãos de forças retrógradas que tentam voltar ao poder em 2018.

Em entrevista, nesta quarta-feira (02), o parlamentar ressaltou que os sete anos de avanço e de uma gestão revolucionária implantada pelo governador Ricardo Coutinho (PSB) não pode correr o risco de acabar em mãos erradas e por isso o grupo defende a continuidade do projeto, para que o Estado possa se manter avançando.

Nessa perspectiva, segundo ele, o nome que melhor representa essa continuidade é o do secretário João Azevêdo (PSB), que deverá ser oficializado candidato nas convenções do próximo ano.

“Nesse momento eu acho que João, sem demérito para nenhum dos outros, reúne as melhores condições e a gente tem que fazer agora é esse trabalho, levar para os prefeitos batalharem junto conosco e o povo, esse convencimento de que a Paraíba não pode retroceder. Que seria danoso e poder-se-ia ir mais além, seria criminoso a gente submeter esse curso de gestão que está sendo implantado por Ricardo Coutinho, que beira a um curso revolucionário, para uma aventura, ou ceder para uma composição esdrúxula. Eu acho que será dignificante para a cidadania paraibana termos João. A gente tem que ter competência para fazer essa boa travessia e levar João ao Palácio. Mas se pudéssemos escolher, eu diria, bota João na cadeira para governar, que ele faria um governo até melhor que os excelentes governos de Ricardo Coutinho. Ele tem uma capacidade técnica aprofundada. Conhece política, porque vive nela há duas décadas, e é um dos melhores e mais capacitados técnicos desse país”, disse.

Já o secretário João Azevêdo voltou a se colocar à disposição do PSB e disse que está pronto para o embate eleitoral. João disse que o contato com a política e com os políticos não é empecilho para uma eventual postulação, visto que, semanalmente, se reúne com prefeitos para tratar de obras e investimentos do Governo estadual.

"Tenho relação inclusive com prefeitos de oposição, basta lembrar que esse governo tem convênios com 217 municípios e é óbvio que todos eles não são da base do governador. Mas é claro que, partindo para um processo de eleição trabalharemos para popularizar o nome de várias maneiras, e é para isso que os meios existem, quem entende de mídia é que cuidará disso em um processo eleitoral", ressaltou.

Tanto Ricardo Barbosa quanto João Azevêdo apostam na ideia de que a população saberá fazer o comparativo sobre o que era e sobre o que é a Paraíba hoje.




PB Agora

Postador Sebastião Barbosa

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :

receba nossas atualizações no seu Email

PESQUISE AQUI