» » » Soledade - Após pressão prefeito desiste de retirar direitos de servidores

SOLEDADE (PB) - Após sofrer uma grande pressão por ter baixado um decreto onde, com a desculpa de que era para economizar, o prefeito, Zé Bento (PT) retirava alguns direitos garantidos pela por Lei dos servidores, ele voltou atrás e refez a redação do documento.

Desta forma, a nova redação do decreto, prevê o pagamento dos adicionais noturno, periculosidade e insalubridade, que haviam sido suprimidos.


Além disso, os prestadores de serviço extraordinários, também não serão todos demitidos de uma única vez, como queria o prefeito a priori.

Agora, o chefe do executivo afirma que o afastamento será gradual ate o final de sua melancólica gestão que, para alegria dos soledadenses, será no dia 31 de dezembro.

O prefeito só voltou atrás após mobilização da categoria de motoristas, a mais prejudicada com a supressão dos seus direitos garantidos por Lei.

Eles acionaram a imprensa, o Sintab e ameaçaram uma paralisação, caso o gestor insistisse nessa bizarrice de suprimir direitos dos servidores.



heleno lima 

Postador Sebastião Barbosa

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :

receba nossas atualizações no seu Email

PESQUISE AQUI