» » » Após desistência de Manoel Jr, PMDB se divide e pressiona Maranhão para disputa.


Uma ala insatisfeita com a decisão do PMDB pressiona o senador José Maranhão para que ele próprio lance seu nome para a disputa

Depois que o deputado federal Manoel Junior anunciou ter desistido de concorrer ao cargo de prefeito de João Pessoa pelo PMDB, o partido já cogita outros nomes para a disputa.
Uma ala insatisfeita com a decisão do PMDB pressiona o senador José Maranhão para que ele próprio lance seu nome para a disputa. Os peemedebistas não teriam ficado satisfeitos com o apoio para a candidatura à reeleição do prefeito Luciano Cartaxo (PSD).
De acordo com o entendimento dos correligionários, retirar a candidatura própria da disputa enfraquece a sigla. Desde o início do ano o PMDB bate na tecla de fortalecimento do partido nas eleições municipais de 2016 visando a disputa das eleições em 2018.
Já em Campina Grande, o candidato do PMDB à prefeitura, Veneziano Vital, descarta disputar o cargo em uma chapa “puro sangue”. Em entrevista, ele ainda afirmou que, em negociações com outros partidos, a cabeça de chapa não é “imexível”. “Não tenho fixação pelo poder”, acrescenta o deputado.
No entanto, Veneziano também deixou claro que, caso seja eleito prefeito de Campina Grande no próximo pleito, pretende cumprir os quatro anos de mandato, o que descarta a possibilidade de disputar o governo em 2018.
Fonte:Click PB

Postador Renilson Gomes

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :

receba nossas atualizações no seu Email

PESQUISE AQUI