É o que o Apostolo João nos ensina no seu evangelho 8. 34 Jesus respondeu: Digo-lhes a verdade: Todo aquele que vive pecando é escravo do pecado. 36 Portanto, se o Filho os libertar, vocês de fato serão livres.

A liberdade do Cristão consiste em poder dizer não aos prazeres que não preenche nosso vazio existencial, pois podemos participar das melhores festas, podemos consumir a droga mais alucinante, podemos beber do melhor wisk e nos embriagar, conduzirmos num mundo de luxuria com as melhores mulheres, mas nada disso realmente preenche. A alegria não é indizível, nunca estaremos satisfeitos e isso é ser escravo do pecado. A libertação consiste então em ser completo em Cristo, vivendo para ele, com ele, para o louvor da sua Gloria. O Apostolo Paulo entendeu isso quando declarou: Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a pela fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim. Gálatas 2:20  


PRESBÍTERO ANTONIO JUNIOR 

Postador Junior Antonio

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :

receba nossas atualizações no seu Email

PESQUISE AQUI