» » » Em postagem, Pâmela admite levar filho para bares; fato foi contestado em processo de guarda

Ao rebater o ex-enteado, Rico Coutinho, em postagem no Instagram, nesta terça-feira (11), a ex-primeira dama do Estado, Pâmela Bório acabou, sem querer, dando uma reviravolta no processo de guarda compartilhada de seu filho Henry Lorenzo, fruto do relacionamento com o governador Ricardo Coutinho.

É que a jornalista admitiu que leva e continuará levando o menor para “bares e restaurantes”.



A admissão da primeira dama, no entanto, acaba respaldando uma das teses fundamentadas pela parte paterna, que pedia no processo de guarda compartilhada que a criança ficasse em uma casa com rotina adequada, evitando assim que o menor pudesse ficar exposto às madrugadas e até mesmo dormindo dentro de carros durante os eventos que a mãe participara.

Na postagem, Pâmela ainda trata de covardia e de manipulação o que tem sido feito contra ela. O trecho "continuarei levando.....sim" é uma espécie de rebate à justificativa fundamentada no processo, que acabou sendo ratificada pela jornalista.

Diante do imbróglio, a justiça entendeu que a Granja do governador seria, a partir de então, a morada base da criança, em prol da manutenção de uma rotina propícia para o menor.

VEJA TRECHO DA POSTAGEM

 




PB Agora

Postador Sebastião Barbosa

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :

receba nossas atualizações no seu Email

PESQUISE AQUI