» » » Picuí se transforma em um canteiro de obras paralisadas

PICUÍ, uma cidade de 18.634 habitantes, localizada no Seridó paraibano, é conhecida como a capital da carne de sol. No entanto, de alguns anos para cá, está sendo conhecida também pela capital das obras paradas.

Por toda a cidade, tanto  a Prefeitura quanto o Governo do Estado, deixaram várias construção abandonadas, para desespero da população que vê cerca de R$ 5 milhões em obras paralisadas.

São benefícios que poderiam está contribuindo para o desenvolvimento da cidade e oferecendo serviço para melhorar a qualidade de vida da população.

No entanto, com os canteiros abandonados, os locais servem para esconderijo de marginais, prostituição, uso de entorpecentes e até de 'banheiro', haja vista que algumas pessoas os utilizam para defecar.

Entre essas obras abandonadas, podemos destacar uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), hospital regional, biblioteca, o alargamento de uma rua, onde a Prefeitura mandou retirar parte de uma pedra, mas que até o momento não fez o calçamento.

O deputado Estadual, Buba Germano (PSB), que gosta de alardear por todos os cantos seu prestígio junto ao governador, Ricardo Coutinho (PSB), ainda não conseguiu que essas obras paralisadas fossem retomadas, o que geraria emprego e renda, além do desenvolvimento local.

Por sua vez, o prefeito, Acácio Dantas (DEM), enfraquecido perante a população devido a má gestão que vem fazendo, também não toma nenhuma providência e, enquanto isso, o desmantelo continua.

Isso sem falar nas 'obras sonrisais', que se desmancharam pouco tempo depois de ser construídas.






HELENO LIMA

Postador Sebastião Barbosa

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário :

receba nossas atualizações no seu Email

PESQUISE AQUI